Estratégia Pra Provas C Ou E!

28 Mar 2019 13:12
Tags

Back to list of posts

<h1>As Com&eacute;dias Nacionais Que Vem Por A&iacute;</h1>

<p>Formou-se pela Institui&ccedil;&atilde;o M&eacute;dico-Cir&uacute;rgica de Lisboa (1889), com a tese O Micr&oacute;bio do Carcinoma. Nomeado professor de Higiene, Medicina Legal e Anatomia Patol&oacute;gica daquela Escola em 1890, foi tamb&eacute;m cirurgi&atilde;o dos hospitais de Lisboa. Montou em 1892 o Instituto Bacteriol&oacute;gico de Lisboa, que hoje recorda o teu nome. Celebrizou-se ao apresentar que o bacilo isolado pela epidemia de Lisboa de 1894 n&atilde;o era o vibri&atilde;o da c&oacute;lera, afirmando-se como uma autoridade em mat&eacute;ria de higiene e sa&uacute;de p&uacute;blica.</p>

<p>Morreu prematuramente v&iacute;tima da epidemia de peste que combatia pela cidade do Porto. Fez cota de in&uacute;meras comiss&otilde;es cient&iacute;ficas, nacionais e estrangeiras. Frequentou os estudos do Liceu do Funchal, partindo ap&oacute;s a sua conclus&atilde;o para Lisboa, onde frequentou os estudos preparat&oacute;rios da Faculdade Polit&eacute;cnica. Conclu&iacute;dos esses, no ano de 1884 matriculou-se na Faculdade M&eacute;dico-Cir&uacute;rgica de Lisboa, frequentando o curso de medicina.</p>

<p>Revelou-se um estudante radiante e benquisto, conquistando Quais As Maiores Exig&ecirc;ncias Do Mercado De Trabalho? condisc&iacute;pulos e de professores. Terminado o curso, apresentou como tese de conclus&atilde;o do teu curso m&eacute;dico um trabalho intitulado O micr&oacute;bio do carcinoma, revelando nesse estudo a tua propens&atilde;o para os trabalhos de laborat&oacute;rio. Foi aprovado a vinte e quatro de Julho de 1889, come&ccedil;ando logo incont&aacute;veis estudos na &aacute;rea da microbiologia. Apesar dos atritos que se levantaram, em Janeiro de 1891, C&acirc;mara Pestana partiu para Paris, encarregado de aprender bacteriologia onde e como quisesse, e de apurar o que se soubesse da pretendida descoberta de Koch.</p>

<ul>

<li>Poupan&ccedil;a e Investimento - 15 horas (Clique aqui pra se inscrever)</li>

<li>Desenvolver, apagar e editar arquivos</li>

BRINCOS_CURSO_VERANO_33.jpg

<li>2- Continue-se bem informado</li>

<li>4 - Senado Federal</li>

<li>Dom&iacute;nio Intelectual</li>

<li>C&acirc;mara de Formosa do Sul</li>

</ul>

<p>C&acirc;mara Pestana conseguiu revelar-se no meio acad&eacute;mico parisiense, apresentando a 27 de Junho de 1891, perante a &eacute;gide do professor Isidore Strauss, da Escola de Medicina de Paris, uma comunica&ccedil;&atilde;o em uma sess&atilde;o da Na&ccedil;&atilde;o de Biologia. Apesar de apenas subsidiado por 4 meses pelo governo portugu&ecirc;s, C&acirc;mara Pestana permaneceu &agrave; sua custa em Paris por um est&aacute;gio mais enorme, melhorando a tua forma&ccedil;&atilde;o profissional.</p>

<p>A direc&ccedil;&atilde;o da Escola M&eacute;dico-Cir&uacute;rgica de Qual A Diferen&ccedil;a Entre P&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o Lato Sensu E Stricto Sensu? , conhecedora dos raros m&eacute;ritos e conhecimentos especiais de C&acirc;mara Pestana, conseguiu a tua nomea&ccedil;&atilde;o como preparador de bacteriologia da mesma Escola. Em consequ&ecirc;ncia, por portaria de vinte e um de Outubro de 1892, C&acirc;mara Pestana foi encarregado de proceder &agrave; observa&ccedil;&atilde;o das &aacute;guas que abasteciam a cidade de Lisboa.</p>

<p>Como n&atilde;o havia um laborat&oacute;rio que pudesse auxiliar para estes trabalhos, foi crucial improvisar um, instalando-o num compartimento do Hospital de S&atilde;o Jos&eacute;, anexa &agrave; antiga enfermaria de Santo Onofre, adaptada de forma acelerada ao novo destino. Os aparelhos requisitados do estrangeiro com urg&ecirc;ncia chegaram em remessas sucessivas. Como ajudante foi escolhido o a&ccedil;oriano An&iacute;bal de Bettencourt, outro entusiasta da microbiologia, que depois seria o continuador da obra de C&acirc;mara Pestana.</p>

<p>Face ao sucesso obtido, o improvisado laborat&oacute;rio de observa&ccedil;&atilde;o de &aacute;guas foi, por decreto de vinte e nove de Dezembro de 1892, transformado em Instituto de Bacteriologia de Lisboa, e Lu&iacute;s da C&acirc;mara Pestana foi nomeado teu primeiro director. C&acirc;mara Pestana consagrou-se inteiramente &agrave; direc&ccedil;&atilde;o do Instituto, conseguindo projectar os seus trabalhos na pr&aacute;tica m&eacute;dica e mantendo uma c&eacute;lebre presen&ccedil;a entre a comunidade cient&iacute;fica empenhada no estudo da bacteriologia. Publicou numerosos postagens e lembran&ccedil;as grande valor cient&iacute;fico na revista Medicina Contempor&acirc;nea, pela Revista de Medicina e Opera&ccedil;&atilde;o, no Arquivo de Medicina e noutras publica&ccedil;&otilde;es, as quais lhe granjearam os maiores elogios.</p>

<p>Merecem destaque os seus trabalhos sobre a etiologia da febre tif&oacute;ide e sobre o diagn&oacute;stico e soroterapia da difteria. Tendo ganho reputa&ccedil;&atilde;o como bacteriologista, foi nomeado afiliado de respeit&aacute;veis sociedades cient&iacute;ficas, mantendo correspond&ecirc;ncia com diversos cientistas estrangeiros, que em inmensur&aacute;veis escritos lhe fizeram as mais elogiosas refer&ecirc;ncias. Aberta A Temporada De Est&aacute;gios Com oito 1 mil Vagas O Dia , por morte do professor Sousa Martins, vagou um lugar de lente pela Faculdade M&eacute;dico-Cir&uacute;rgica de Lisboa, C&acirc;mara Pestana foi nomeado lente subcessor, por decreto de 12 de Maio de 1898. No concurso que precedeu a nomea&ccedil;&atilde;o prestou provas brilhantes. Passou sendo assim a reger as cadeiras de Anatomia Patol&oacute;gica e Medicina Bom, tarefa que manteve at&eacute; &agrave; tua morte.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License